Portugal – Operação Mérito

 

Acreditamos que quando as pessoas têm um lugar seguro para viver e estudar, tendem a lançar raízes, investir o seu tempo e talento em iniciativas locais. Ao incentivar estes percursos a jovens cidadãos, com reconhecido mérito nos seus estudos, estaremos a promover não só o seu desenvolvimento como indivíduos mas, também, a contribuir para todas as estruturas sociais onde estarão inseridos no futuro.

Operação Mérito enquadra-se no Plano de Atividades da Estimulo, no âmbito da Educação, dando assim o seu contributo para a implementação da Década da Educação para o Desenvolvimento, que teve início em 2005, com vista à consolidação de valores, atitudes e práticas que contribuam para a formação de cidadãos conscientes e participativos numa sociedade em mudança. Neste enquadramento os Objetivos de Desenvolvimento do Milénio constituem-se como matéria de trabalho para todos os intervenientes visando-se, deste modo, a sua divulgação e implementação.

A Operação Mérito constitui-se como uma iniciativa no âmbito da Educação nas suas várias vertentes.

Esta iniciativa destina-se a potenciar uma rede de parceiros capazes de promover e apoiar a educação, em comunidades carenciadas, cujas crianças e jovens estudantes de todos os ciclos de ensino, Básico, Secundário ou Superior, apresentam evidentes necessidades, tanto educacionais como de enquadramento familiar, ligadas preferencialmente a instituições de acolhimento ou similares.

O reconhecido sucesso nos seus estudos é fator imprescíndivel para a sua seleção, pois é o mérito, como valor pessoal que queremos premiar, obviamente em estudantes carenciados.

Propomo-nos criar uma rede global com vista a potenciar estratégias de envolvimento da comunidade, restrita e alargada, que facilitem o percurso estudantil destes jovens em condições dignas e incentivadoras ao sucesso escolar, desenvolvendo e consolidando o trabalho em parceria.

Esta rede é estruturada de forma tripartida assumindo, cada um dos seus parceiros, as responsabilidades inerentes ao sucesso da Operação Mérito, como pilares fundamentais à sua execução.

A Estímulo tem vindo a assinar protocolos de colaboração com instituições, associações ou fundações vocacionadas para o acolhimento e enquadramento social destas crianças e jovens e que sinalizarão os casos que preencham os requisitos de seleção ao apoio proposto. Foram já assinados este protocolos com a Fundação Século para o distrito de Lisboa e com a Associação Crescer Ser para os distritos de Coimbra e Leiria. Estamos na expectativa de, brevemente, assinarmos o referido protocolo com uma instituição da Região Autónoma dos Açores, cumprindo a primeira fase de implementação. Constituem-se, assim, estas instituições como o primeiro pilar da Operação Mérito.

Para fazer face às diferentes necessidades dos alunos, a Estímulo desencadeará junto das comunidades, nomeadamente das empresas, escolas, institutos, universidades, instâncias governamentais, associações e outras organizações não governamentais, mecanismos de sensibilização e apropriação desta causa. Apelaremos à sociedade civil em geral, às famílias, a grupos de amigos, aos colaboradores das empresas e a todos aqueles que em grupo, ou individualmente, se queiram associar à Operação Mérito.

Vivemos tempos difíceis, mas a necessidade aguça o engenho e acreditamos conseguir conquistar parceiros que apoiem os estudantes nas propinas, nos manuais, nas tecnologias adequadas às necessidades escolares, nos materiais de trabalho, na integração de estágios, em suma, no apoio ao seu percurso de estudantes, em geral. Muitas vezes um aluno precisa não só de bens materiais mas, também, de alguém com quem partilhe as suas angústias e sucessos ou lhe dê apoio em determinada matéria onde sente mais dificuldades. Este será o enquadramento do segundo pilar da Operação Mérito. Os parceiros que nos apoiarão.

A Estímulo representará a terceira estrutura para a concretização desta iniciativa, protagonizando a sua intervenção, a diversos níveis: Angariação e Acompanhamento.

Como sabemos, qualquer projeto carece de supervisão, de um acompanhamento especializado que vise fomentar a qualidade e a eficácia do trabalho realizado pelos parceiros, visando alcançar,da melhor forma, os objetivos propostos.

A promoção e divulgação do projeto, e a angariação de parceiros disponíveis para apoiar os estudantes selecionados serão tarefas árduas, mas da nossa responsabilidade. A gestão dos apoios recebidos será discutida com os parceiros, de modo a que a sua aplicação se configure de forma transparente e inequívoca.

À figura do Gestor de Mérito competirá articular e garantir os compromissos assumidos pelos alunos perante os seus apoiantes e as expetativas criadas pelos parceiros perante os alunos que apoiarão.

Os alunos deverão continuar a apresentar bons resultados nos seus estudos, ano após ano, e esperamos que os parceiros que os apoiam se fidelizem a esta causa pelo maior tempo possível. Estes alunos terão um conjunto de empresas, instituições e pessoas que, individualmente ou em grupo, se desdobrarão em esforços para os apoiar durante alguns anos da sua vida. Quem sabe, alguns deles se ligarão pela vida fora. Será muito importante que estas crianças e jovens retribuam à sua comunidade o espírito solidário de que são alvo. Assim, a Estímulo promoverá ações de voluntariado com estes jovens, em projetos da comunidade onde poderão, eles próprios, dar o seu apoio a diversas causas, devolvendo o contributo de que são alvo.

A Operação Mérito contribuirá, com toda a certeza, para o sucesso e valorização pessoal destes alunos, alcançando melhores oportunidades de trabalho e construindo famílias sólidas e estruturadas em valores humanitários, integrados socialmente e contribuindo, não só para um mundo em constante mudança mas, também e principalmente, para a mudança do Mundo.

Apoios à Operação Mérito

fcosta     blablabla copy  babel

lalalaland     full-it     inforpress     sumol por